Minhas impressões (MI-10/15): Segredos de um pecador - Madeline Hunter #OsRothwells04 #RomEpocaArqueiro

Nem preciso de dizer mais, todo mundo que segue o blog sabe o quanto AMO romances de época... são quase contos de fadas e me fazem viajar no tempo e sonhar com as histórias de Duques, Condes, Lordes e suas amadas.



Hoje venho falar o quarto e último da série 'Os Rothwells'

  1. As regras da Sedução - Rules of Seduction (Hayden e Alexia)
  2. Liçoes do Desejo - Lessons of Desire (Elliot e Phaedra)
  3. Jogos do Prazer - Secrets of Surrender (Roselyn Longworth e Kyle)
  4. Segredos de um pecador - The sins of Lord Easterbrook (Christian e Leona)


Sinopse


Minhas impressões

Os irmãos Rothwells são, Christian, Hayden e Elliot, eles sofreram na infância por causa de um casamento infeliz dos pais, pela perda precoce da mãe, que muitas pessoas dizem ser louca, e Christian, não apenas por ser o mais velho e herdeiro do título de Lord Easterbrook, mas por assim como a mãe ter uma sensibilidade maior aos sentimentos das pessoas próximas a ele,  uma sintonização fina com os pensamentos e sentimentos das pessoas. Após a morte do pai, Christian descobriu algumas coisas ruins sobre o pai e por causa de seu 'problema' de sintonia resolveu fugir pelo mundo, passou alguns anos sumido, nem mesmo os irmãos sabia onde ele esteve.

Passados sete anos de seu retorno à Inglaterra, onde continua um excentrico recluso, até dos irmãos e suas esposas, e tia e prima, ele vê pela janela de seu quarto uma silhueta, uma mão, uma mulher, que ele nunca esqueceu... e por ser excêntrico manda buscar (sequestrar) Leona Montgomery para conversarem... um reencontro cheio de palavras e faíscas.

"–Havia assuntos mal resolvidos entre nós e você não ficou triste de escapar do acerto de contas. Era inocente e pura demais para entender que me desejava na mesma medida em que eu a desejava.
–Está errado, mas isso tudo já passou. Não sou mais uma garota ignorante, e você não é mais Edmund. Essas duas diferenças mudam tudo.
–Na verdade, Leona, desde que entrei neste quarto, descobri que o tempo, o lugar e o nome não mudam certas coisas. Não, não mudam. Raios! Raios o partam! Ele se aproximou ainda mais, o bastante para dominá-la com sutileza." posição 7%



O reencontro, todos os sentimentos e ansiedades que Christian/Edmund tinha por Leona e vice-versa voltam à tona e eles não conseguem resistir... e a percepção dos sentimentos um do outro é mais de Leona em relação a Christian... ele não consegue captar os sentimentos dela, mas ela consegue sentir o que ele sente e consegue perceber que ele não mente para ela...

"As águas de uma onda estavam se reunindo. Agora não estavam em um jardim perto de uma festa. Era hora de correr e se abrigar ou ser levada.
Ele a beijou de novo. Atraiu-a de forma ainda mais íntima. O prazer se espalhou por seu corpo como uma correnteza por centenas de caminhos, deixando-a trêmula. Ele era bom na arte da sedução. Bom demais.
O prazer no jardim aquela noite a havia deixado com menos defesas. A expectativa daquele êxtase falava mais alto do que qualquer precaução." posição 40%

Apesar da atração e da conexão que Christian e Leona têm, ainda é difícil perceber se existe amor também e se seria possível os dois viverem juntos, já que ela é muito diferente das mulheres inglesas e ele tem um 'nome' a zelar...

"Se pedisse Leona em casamento, ela aceitaria? Ela o havia dissuadido da ideia quando dissera, no jardim dos Penningtons, que ele não era seu verdadeiro destino. Os relatos de Hayden sobre sua fama entre os comerciantes do Oriente indicavam que o destino que ela previa não contemplava ver os anos passarem sentada em uma sala de estar em Mayfair." posição 49%

A relação de Leona e Christian é muito especial, já que eles se completam, se ajudam e se respeitam...

"Ela esperava uma explosão de paixão como da última vez. Esperava ser atraída para um estado irracional de desejo e sensações. Em vez disso, ele a acariciou sem pressa. De propósito, adiava o momento de se entregar ao ritmo frenético que costumava conduzi-los.
Era de forma bela que o prazer se intensificava. O corpo dela respondia mais profundamente a essa sedução sutil e cheia de nuances, até que toda a sua consciência estava focada no percurso das mãos e da boca dele." posição 63%

Eu já me simpatizava com o Lord Easterbrook, mesmo com toda a sua excentricidade e mau humor, mas ele tem uma docilidade que já se percebia no primeiro livro em sua relação com a cunhada Alexia. E agora toda a sua essência é mostrada e ele é ainda mais doce.

"A gentileza dele ao mesmo tempo a confortava e constrangia. Ela havia se permitido pensar o pior a respeito dele, acusá-lo de falsidade, mas ele estava lá assim mesmo. Havia escutado sua história triste com empatia. Depois restaurara as melhores lembranças que tinha do pai e pintara um retrato de força, não de hipocrisia." posição 78%


Eu amei o livro, amei a série e gostaria que tivessemos mais séries de Madeline Hunter, mas por enquanto teremos outros livros de época, veja abaixo.


Próximos lançamentos em Romances de Época

Ligeiramente Maliciosos - já nas livrarias

O Principe dos canalhas - Em maio nas livrarias



E ainda este ano, à partir de julho, a nova série de Lisa Kleypas, 'Quatro estações do Amor'.

0 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.