Minhas Impressões (MI-33/16): A Irmã da sombra - @LucindaRiley #AsSeteIrmãs3

Eu já disse milhões de vezes o quanto Lucinda Riley me conquistou, mas a Série 'As Sete Irmãs' é ainda mais encantadora e mais envolvente... espero ansiosamente pelo próximo livro, pela história da próxima irmã e ao terminar um livro gostaria de já ter o próximo pronto para ler. 

Esta série é daquelas que quando lançarem todos os livros vou reler cada um deles na sequencia para não perder nenhum detalhe, porque ao ler os livros à medida que são lançados eu me perco, a memória perde detalhes importantes, apesar de lembrar da essencia da história anterior eu já esqueci algumas coisas importantes.


A Série


  1.  As Sete Irmãs - a história de Maia
  2. A Irmã da Temprestade - a história de Ally (Alcyone)
  3. A Irmã da Sombra - a história de Estrela (Asterope)
  4. CeCe (Celeano)
  5. Tiggy (Taygete)
  6. Electra
  7. Merope (não encontrada)

Na Série, todos os livros se passam, ou passarão, na mesma época, em 2007, quando ocorreu a morte de Pa Salt, o pai das Sete Irmãs, que na realidade são seis.







Sinopse


Compre na Amazon Brasil



Minhas impressões

Este maravilhoso livro está sendo lançado no Brasil antes de ser lançado no resto do mundo, 'A Irmã da Sombra' só será lançado em novembro em outras partes do mundo. E Lucinda Riley veio participara da Bienal de São Paulo e está visitando outras cidades, mas a minha, não foi contemplada com a visita dela :(

O que posso dizer deste livro? Estrela é a terceira das filhas adotivas de Pa Salt... a calada, aquela que está sempre junto da quarta irmã Ceci, e que é tão misteriosa quanto a história por trás das adoções de cada uma das irmãs D'Aplièse e da morte do pai...

"À medida que crescíamos, Ceci e eu fomos nos transformando na antítese uma da outra: quanto menos eu falava, mais alto e com mais frequência ela se expressava por mim, logo menos eu precisava falar. Nossas personalidades simplesmente se exacerbaram. Isso não parecera importar na infância, espremidas como estávamos em uma família de seis irmãs, pois assim podíamos recorrer uma à outra." posição 1%

Estrela - 'Astérope' - sofre em silêncio a morte do pai, demora a ter coragem de ler a carta sobre sua origem, que o pai deixou para cada uma delas, sempre viveu na 'sombra' da irmã Ceci, que era sua voz e seus passos... mas com a perda de Pa ela começa a se sentir sufocada, presa às decisões da irmã e acaba partindo em busca do seu passado.

"- Estrela - falava ele, segurando meu rosto entre as mãos calejadas. - Qualquer coisa de valor duradouro leva tempo para se realizar plenamente. Quando isso acontecer, você vai ficar feliz por ter perseverado." posição 4%

Nesta busca ela encontra uma antiga livraria onde começa a trabalhar, com um patrão excêntrico, que a cativa e que o conquista, fazendo com que ela acabe conhecendo a família de Orlando e também conhece a história de Flora MacNichol (passada no início do Século XX, por volta de 1910) que pode ou não ter a ver com seu passado.

"Achei divertido seu modo empolado. Embora já estivesse acostumada ao inglês entrecortado falado em Londres pelas classes mais abastadas, meu novo amigo levava esse conceito um pouco além. Um verdadeiro inglês excêntrico, pensei, e isso me fez gostar dele. Aquele homem não tinha medo de ser exatamente quem era e eu sabia que isso exigia muita personalidade." posição 11%

À medida que Estrela se envolve com a busca de sua origem ela se afasta da irmã Ceci e se aproxima da família Vaughan e se apaixona pelos membros que ela nem ter certeza serem seus parentes, mas com certeza eles desempenham um papel crucial no futuro desta irmã D'Aplièse.

"Subi para pegar os diários. Desde que Mouse fora embora na noite anterior, estava louca para lê-los. Decidi que não iria me demorar pensando em como Ceci fora grosseira e nem no fato de não ter sequer me perguntado quem ele era." posição 64%


Este livro mostra a força das mulheres, mulheres que casadas ou solteiras tiveram força e coragem para lutar pelo que desejavam, contra as sociedades de suas épocas.

"-Eu gosto de coisas simples, cuidar da casa, cozinhar, jardinar... - Virei-me para ela de repente. - Não sou muito ambiciosa. Isso é errado?
- É claro que não! Enfim, todos nós ficamos satisfeitos com a emancipação feminina tenha avançado, e vou lhe dizer uma coisa: nós, garotas dos anos 1980, fomos as pioneiras, a primeira geração de mulheres instruídas a fincar o pé num mercado de trabalho dominado pelos homens. Mas acho que o que fizemos simplesmente deu uma escolha às mulheres que vieram depois. Em outras palavras, permitiu a elas serem quem quiserem ser." posição 89%


Adoro a forma como Lucinda fala sobre livros, escritores, personagens históricos e fictícios e os mescla de uma forma encantadora que nos leva a uma viagem pela História e pelas histórias destas irmãs unidas pelo amor de um homem, e que tenho certeza teremos notícias dele, provavelmente no último livro. Cada uma das irmãs vem de uma região do mundo e Estrela tem sua origem na Inglaterra, por isso vamos conhecer um pouco sobre várias partes e História do Reino Unido.



Eu amei a história de Estrela, mas queria um pouco mais do romance, do final feliz dela, com o amor de sua vida... ficou um desejo enorme de quero mais, muito mais do casal que ela formou.

0 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.