Minhas impressões (MI-17/16): Volta para mim - @MilaGrayBooks @editoraarqueiro

Romances com guerra, com perdas com tristeza... Volta para mim é um destes romances, os personagens principais tem que viver a dor da guerra e da perda.

 Sinopse
Compre na Amazon Brasil


Minhas impressões

Kit Ryan e Riley Kingsley são amigos inseparáveis desde a infância, fizeram muitas coisas juntos, aventuras e desventuras, até se alistaram juntos... hoje são fuzileiros navais... voltaram à cidade natal deles para um mês junto às famílias, após 9 meses em ação...

Jessa Kingsley é a irmã de Riley, e que desde os 14 anos tem uma queda pelo melhor amigo do irmão, mas desde sua última passagem pela California, a queda virou amor, paixão e agora com ele de volta será que ela vai conseguir não demonstrar sua atração para Kit? Só o que ela não sabia é que ele também não conseguiu tirá-la da cabeça desde sua última vinda aos EUA.

Kit não é bem vindo à casa dos Kingsley pelo pai deles, um Coronel mal humorado que tem traumas de guerra e causa traumas à toda a família.


Kit e Riley voltam próximo ao dia do aniversário de 18 anos de Jessa, e eles não conseguem se afastar um do outro e a relação entre eles começa, doce, suave, intensa e irresistível.

- Feliz aniversário - diz Kit.
Ele não desvia os olhos de mim um minuto sequer, e sinto minha pele arder sob esse olhar incansável. Eu coro.
- Obrigada - consigo dizer, desejando pensar numa resposta melhor, algo inteligente e charmoso. Eu tinha algo planejado para este momento, mas meu cérebro decidiu fechar para balanço." posição 3%

Eles são inseparáveis e mesmo com a culpa de esconder de Riley, o melhor amigo de Kit e irmão super protetor de Jessa, eles conseguem viver intensamente o amor, o encontro de almas e corações.

"Talvez eu devesse acabar com tudo agora e falar para Jessa que não podemos nos ver mais. Porém, nossos olhares se cruzam. Ela está rindo de algo que Didi falou e eu fico sem fôlego. Sempre foi fácil me afastar das mulheres; nunca precisei pensar duas vezes antes. Mas, com Jessa, fazer isso parece impossível." posição 25%

Eles vivem seu amor e seus sonhos em um mês de folga de Kit e Riley, mas eles precisam retornar para a Guerra :(  e ambos, Kit e Riley deixam seus corações e amores para trás... Riley tem uma namorada de anos (Jo) e Kit está deixando Jessa, a namorada que ele tem certeza ser a mulher da vida dele, por ela ele faria tudo, inclusive enfrentar o pai dela.

"- E olhe só para você - digo, apontando para ele. - Tem uma família maravilhosa, perfeita. Tem um filho de que deveria morrer de orgulho, porque é o melhor homem e o melhor soldado que eu já tive a honra de conhecer. E uma filha tão linda e tão incrível que eu fico sem fôlego toda vez que olho para ela, por quem andaria em brasas só para ver sorrir. E você nem nota que ela existe. Não se esforça para fazê-la sorrir. Você nem sabe o que a faz sorrir." posição 66%

Mas o momento da despedida chega e Jessa tem que se despedir do irmão amado e do amor de sua vida... serão só 12 meses, mas vai ser difícil.

"-Estou falando sério - insisto. - Não se preocupe comigo. Vou ficar numa boa.
- Eu sempre vou me preocupar. Você é minha irmãzinha - murmura ele.
(...)
- Cuide do Kit por mim - murmuro também sentindo a garganta se fechar." Riley e Jessa se despedindo -posição 69%

"- Por favor, tome conta do Riley - peço. - Seja o amuleto da sorte dele, como foi para mim.
Kit prende uma mecha de cabelo atrás da minha orelha.
- Prometo.
Meus lábios encontram os dele e eu choro.
- Volta para mim - sussurro.
- Sempre - responde ele, me beijando pela última vez." Kit e Jessa se despedindo - posição 69%

Mas a vida de Jessa desmorona no dia que ela vê o pai de Kit chegando à sua casa, 3 meses depois da partida do irmão e amor dela...

"Dá um passo em direção à casa, e é aí que tenho certeza de que Riley ou Kit morreu.
Um grito, ou talvez um soluço, tenta abrir caminho por minha garganta, mas é bloqueado por uma forte onda de náusea. Eu me apoio no corrimão para me manter de pé. Quem terá sido? Qual deles? Meu irmão ou meu namorado? Ai, meu Deus. Ai, meu Deus. Minhas pernas tramem. Veja o pai de Kit andar lentamente, com a cabeça baixa." posição 2%

"- Quem? Quem foi? - repito.
Sinto as mãos da minha mãe nos ombros. Ela tenta me tirar do caminho, mas eu não cedo." posição 73%

E eu não vou contar quem foi... vou agora falar sobre o livro, muito bem escrito, um romance lindo, um amor maravilhoso, mas com um final um tanto quanto corrido, um Epílogo com uma longa distância de tempo do final, e fiquei com uma sensação de faltar algo. E é por isso que não vou dar a pontuação total ao livro.





0 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.