Minhas impressões (32/15): A Irmandade Perdida - Anne Fortier @Editoraarqueiro

Olá pessoal!!!!

Eu pedi este livro porque era da mesma autora de Julieta, mas Anne Fortier me surpreendeu positivamente mais do que em seu livro anterior.


Sinopse
Minhas impressões

Eu demorei para começar a ler e depois para começar a AMAR o livro, mas tão logo me apaixonei pelas histórias de Diana e Mirina não pude largar o livro, mesmo com toda a minha falta de tempo.

O livro é dividido em capítulos que ora narram a história de Mirina, passada um tempo muito antigo, Na Idade do Bronze entre o Norte da África, a Grécia e Tróia e outras regiões, e a história de Diana Morgan, um professora de Oxford, Inglaterra, narrada em primeira pessoa e que embarca em uma aventura repleta de intrigas e perigos, rumo ao desconhecido e à verdadeira história das Amazonas, em busca da real história de sua avó, que se dizia uma Amazona, e que 'fugiu' de casa há dezoito anos.

Diana Morgan é especialista em Mitologia Grega e filóloga e acredita na existência das antigas Amazonas e quem sabe de sua existência no mundo atual... será que sua avó Kara seria mesmo uma Amazona ou era louca como tantas pessoas acreditavam? Ao finalizar uma palestra em Oxford, Diana é abordada por um desconhecido, com uma proposta de ir para Amsterdã para desvendar uma inscrição em uma parede antiga de gesso. E mesmo sem saber nada sobre o desconhecido ou mesmo sobre as inscrições a curiosidade de Diana a leva em uma aventura que pode levá-la a descobrir onde a avó está ou esteve. Diana tem em sua memória as histórias que a avó contava para ela e sua melhor amiga Rebecca quando elas eram crianças, e ainda um caderno que a avó deixou para ela antes de seu sumiço e um bracelete de chacal (em bronze) que Diana recebeu pelo Correio há alguns anos.

Muita aventura nas viagens de Diana pela África, Grécia e até em Troia, depois em Istambul e outros lugares, sempre com muitos mistérios e atentados que ela não sabe de quem vem... ela começa a descobrir mais, muito mais, sobre as Amazonas e sobre as máfias que se envolvem na arqueologia e museologia internacional... e Diana não consegue saber em quem confiar, se nos colegas de Oxford, inclusive um ex-vizinho da infância, James Moselane, um nobre inglês, ou Katherine Kent, sua orientadora, ou no novo 'amigo' Nick Barrán, que ela encontra em seu primeiro ponto de parada e que a salva de seu primeiro 'atentado'.

" Quem quer que tivesse feito aquilo, milhares de anos antes, obviamente tomara a decisão de ficar dentro do templo para proteger seus segredos. Teria sido um gesto grandioso e suicida, pensei, para o bem da irmandade do bracelete? Ou será que o templo tinha outra saída, que eu desconhecia?" posição 24%

Na parte de Mirina, acompanhamos a vida desta que é uma das antigas Amazonas, que foge do Norte da África e acaba sendo parte importante da história entre a guerra Grécia x Troia e com todo o sofrimento das mulheres e de tantos povos antigos.

"- Não, a presa sou eu. E sua flecha me atingiu faz tempo. - Páris pegou sua mão e a levou ao próprio peito. - Bem aqui. E toda vez que tento tirá-la, você torna a cravá-la em mim." posição 51%



Apesar do livro contar histórias de mulheres fortes, guerreiras e poderosas, não achei o livro feminista. Mas concordo com Mirina ao dizer a citação abaixo, os homens, em sua maioria, não conseguem conviver com mulheres fortes.

"Estou certa de que muitos homens bons já perderam a vida, ou pelo menos a felicidade, por causa de uma mulher. É por isso que digo que a maior gentileza que podemos fazer por eles é deixá-los em paz. Essas precauções serão vantajosas para nós, também. Pois a reação primitiva dos homens ao nosso complexo poder é nos subjugar e nos fazer acreditar que devemos ser subjugadas. Eles chamam isso de ato de amor e proteção... são essas as palavras dos ardilosos tiranos. " posição 97%

Eu nem posso falar muito mais sobre o livro, posso dizer que realmente AMEI o livro, as histórias, as personagens principais, as personagens secundárias e o final também!


0 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.