Minhas impressões (MI-17/15): Feitiço da Sombra - Nora Roberts @editoraarqueiro #NoraRobertsArqueiro

Eu amo Nora Roberts e seus livros são daqueles que eu realmente leio e releio, se eu puder, quantas vezes possível. A Trilogia 'Os Primos O'Dwyer' tenho completa em inglês e caminhando para ter em português, eu já tinha lido 'Shadow Spell' e agora 'releio' Feitiço da sombra', para me apaixonar por Connor O'Dwyer uma pouquinho mais...

"É o coração que nos faz superar os momentos difíceis e nos dá alegria." posição 71%

A Trilogia, capas e nomes brasileiros:
  1. Bruxa da Noite
  2. Feitiço da Sombra
  3. Magia do Sangue

Sinopse

Minhas impressões

Neste segundo livro da Trilogia 'Primos O'Dwyer' continuamos na Irlanda (que eu amo), no Condado de Mayo, com a família de bruxos da Noite, Branna, Connor e Iona... os descendentes de Sorcha a primeira Bruxa da Noite, que passou para seus filhos Brannaugh, Eamon e Teagan, seus poderes e quando juntos, eles ou seus descendentes, irão destruir o maligno bruxo, Cabhan.

Em Feitiço da sombra a história de amor contada é de Connor e Meara, a melhor amiga de Branna, e que sempre esteve junto dos irmãos O'Dwyer e de Boyle e Fin, e que agora que Iona chegou à Irlanda formam o círculo de três mais três...

Connor e Meara sempre foram amigos, apesar de o primeiro beijo de Meara ter sido em Connor, nunca ouve uma tensão sexual, até que começam acontecer fatos tensos graças à maldade de Cabhan, que coloca os sentimentos latentes entre os dois à flor da pele... uma descoberta linda, com alguns percalços no caminho, mas que mostra a importancia de se ter um amigo em seu amante, um amante em seu amigo, e o verdadeiro amor é tudo que fortalece ainda mais a magia existente no círculo dos Primos O'Dwyer.

"- O que... O que foi aquilo tudo? E onde foi?
- Achei que você estivesse morto - repetiu Meara, e lhe deu maus uma vez um beijo apaixonado, louco e desesperado.
Dessa vez ele reagiu, agarrando-a, tentando fazê-la se virar para segurá-la melhor, obter um ângulo melhor. O tempo todo o sabor dela o estimulou como uma droga, uma droga nunca experimentada, uma da qual queria mais. Queria tudo." posição 35%

Meara se preocupa com as dificuldades que podem ocorrer se Connor e ela não derem certo, eles precisam continuar sendo amigos, independente de tudo, se preocupa com a reação de Branna, se preocupa de não conseguir amar Connor como ele deve ser amado, e isso causa algumas turbulências na relação entre o casal, e entre o círculo, mas o amor vence tudo.

"- Você é da minha família - disse-lhe Branna. - Como Boyle também. Ela pôs um dos braços ao redor da cintura de Meara. - Da nossa.
- Também somos um círculo, nós três. - Meara segurou a mão de Iona. - É importante saber disso, e valorizá-lo. Além de todo o resto, também somos um círculo.
- E isso está além de tudo o que eu esperava. No dia em que eu me casar com Boyle, meu dia mais feliz, vocês duas estarão comigo. Os três e todos os seis. Nada pode estragar isso." posição 68%

Meara e Connor fazem viagens no tempo, pelos sonhos, e interagem com os três filhos de Sorcha, e vão se conhecendo e até se curando enquanto em tempos diferentes, e vão tentando juntos lidar e vencer com a malignidade de Cabhan.

"- Fique quieta, moça. Teagan, busque... Ah, bem, ela já é. Minha irmã buscará o resto de que preciso. Sou habilidosa, primo - disse ela para Connor. - Pode me deixar cuidar disso?
- Sim. - Mas ele segurou a mão de Meara. - Aqui, querida, mo chroi, olhe para mim. Para mim, para dentro de mim." posição 56%

O amor de Connor e Meara é lindo, um irlandês da melhor estirpe, um irlandês dos sonhos e uma mulher forte, mas 'cabeça-dura' que vai aceitando e descobrindo o verdadeiro amor nos braços deste bruxo do coração.

"-(...) Ah, Meara. - Ele suspirou. - O amor não é um prêmio concedido por mérito ou algo a ser tomado de volta quando um erro é cometido. É um presente, tanto para quem dá quanto para quem recebe. No dia em que você o aceitar e segurar, perderá o medo." posição 82%


Eu não consegui resistir, assim que terminei Feitiço da sombra comecei a ler 'Blood Magick', que já tenho desde o lançamento, mas por falta completa de tempo não li ainda... agora vou ler e depois reler em português, quando 'Magia do sangue' chegar ao Brasil (creio que deve ser em outubro/2015, ou antes). Estou ANSIOSA pela conclusão da história de amor de Branna e Fin (que sofrem há tantos anos, por ele ser descendente de Cabhan, e por se amarem tanto) e também pela destruição do maligno.

"- Espero que você encontre um modo de acertar as coisas com Fin.
- Connor, não. Por favor.
- Eu amo vocês dois. Por enquanto só vou dizer isso. - Ele andou pela cozinha esfregando a pequena pedra. - O campo é longe demais da clareira para a música chegar até lá pelos meios normais." posição 26%

Nora Roberts escreve histórias que me fazem sonhar, que mostra a magia irlandesa de uma forma tão mágica quanto a magia que ela escreve. Acho que ela é uma Bruxa das palavras... e seus feitiços me fazem muito, muito feliz! Feliz demais!

Pela primeira vez em livros Nora Roberts da Arqueiro tive problemas com a tradução, mais edição, frase truncadas, erros que incomodam quem lê... e o que me incomodou muito, foi uso excessivo da locução 'de mais' que a meu ver deveria ser 'demais', mas posso estar enganada, e eu estou usando demais a palavra demais, quando deveria estar usando de mais...



0 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.