Aqui tem banca Harlequin #63 (MI-07/14): Tensão - @leslieKelly #FlordaPele07

Post fixo em homenagem aos romances de banca Harlequin, à partir de 2014, sempre às terças-feiras. 

No ano passado a Harlequin começou a Série Flor da Pele e de todos os que li, os livros de Leslie Kelly foram os que mais me encantaram, tanto que já comprei um 'pacote' com outros três livros da autora, em inglês, mas por enquanto só li um...
Você sabe que está na pior quando precisa pagar por um encontro...A grande reunião da família de Annie Davis se aproxima, e ela precisa aparecer acompanhada ou nunca mais terá sossego. Qualquer homem bonito e honesto serve. Mas onde encontrar alguém que se encaixe no perfil? Resposta: no leilão beneficente de solteiros. Com uma bela aparência e referências que o tornam uma pessoa trabalhadora e digna, Sean Murphy parece ser a solução perfeita. Mas na verdade, ele é um sofisticado empreendedor europeu que transformou em arte a atividade de dar prazer às mulheres. E agora tem um novo projeto em fase de desenvolvimento: dar prazer apenas para Annie! Entretanto, Sean sabe que se ela descobrir seu segredo nunca mais confiará nele. Ainda bem que ele conhece muitos truques que desviarão a atenção de Annie por muito tempo…

O primeiro livro da autora que li foi Lento que tem relação com este livro que vou falar agora, ambos contam as histórias de casais formados após um leilão beneficiente para 'Um Natal para Crianças' onde 20 solteiros lindos e maravilhosos, serão leiloados e a renda revertida para a instituição acima... mas houve uma confusão e dois dos solteiros foram confundidos... o gigolô irlandês e o paramédico americano.

Jack Wallace é o paramédico que foi 'comprado' por Maddy Turner, que achava que ele era um 'prostituto' e Sean Murphy é um herdeiro irlandês, que fugindo da pressão do pai, vai para o mundo e acaba em certo momento, mas não mais, se envolvendo com mulheres por dinheiro.

Annie Davis é também uma herdeira que não quer continuar na pequena cidade onde foi criada por pais e irmãos superprotetores, e parte para Chicago, a cidade grande e perigosa... e mesmo após 5 anos vivendo e se sustentando, bem, eles ainda querem que ela volte, e é quando ela diz que está namorando e feliz, e não vai voltar, mas o namoro foi por água abaixo, e agora ela precisa arrumar um homem para acompanhá-la à festa de 35 anos de casados de seus pais... No desespero, ela vai ao Leilão para 'comprar' um acompanhante.

"Cerca de dois minutos se passaram desde que seu olhar cobiçoso se dirigiu ao perfil do Solteiro Numero 20, descrito como um técnico em resgates bem-humorado. Um herói total. Absolutamente perfeito.
Além disso, ele era um belo pedaço de mau caminho.
Assim que Annie encarou aqueles olhos azul-escuros, seu coração começou a pular  num jogo de amarelinha muito veloz dentro do peito. Exatamente do mesmo modo que fez quando ela o viu, aquele completo desconhecido, cujo nome não sabia, mas cujo rosto e corpo eram tão familiares quando seu último sonho erótico." posição 3%

Tão logo Sean e Annie se vêem, se encontram, se tocam, se beijam, percebem que vai ser difícil ficarem longe... Annie logo conta a Sean que precisa de um acompanhante e ele aceita acompanhá-la, principalmente, mesmo sem entender muito bem, ele não consegue tirá-la da cabeça.

"- O que exatamente a está preocupando?
- Qualquer um que nos conhecesse pensaria que sou sua secretária.
Ele bufou diante da ideia de ter uma secretaria. o Quê? Para cuidar das suas... consultas às clientes?
Annie o ignorou.
- Ou sua dentista. Não sua namorada.
Namorada? Ele nunca tivera uma. Nunca." posição 10%

Eles são honestos um com o outro, mesmo que só no finalzinho do livro Sean, conte seu passado para Annie, eles logo descobrem a confusão sobre as biografias e vão se conhecendo, tentando se manter fora da 'cama' por pelo menos três encontros, a atração é muito forte, mas à medida que vão se conhecendo percebem que não é apenas a atração física que é forte, eles gostam da companhia um do outro e acabam se apaixonando.

"O comentário dela sobre o quão mais fácil seria se ele fosse algum tipo de paramédico da classe operária o irritou, o fez pensar na farsa que iriam tentar empurrar para a família dela.
Soar tão simples no começo... Agora, no entanto, a coisa toda se mostrava mais assustadora. Talvez porque Sean conhecesse Annie o suficiente para saber o quanto aquilo era significativo para ela. E porque ele já gostava dela o bastante para sentir a pressão de querer que tudo desse certo." posição 43%


Annie e Sean tem muito em comum, mas sabem que o relacionamento deles está com os dias contados, porque ele tem que voltar para o mundo, e ela não pode largar tudo agora. A visita à família dela mexe com Sean

"A situação de Annie era tão complicada quanto a dele.
Ela escolhera fugir cuidando de criancinhas. E ele, cuidando das necessidades de desconhecidas. Diferentes... Mas enraizados no mesmo sonho de independência das expectativas familiares.
Sean e Annie possuiam os mesmos sonhos." posição 65%

Mais um livro delicioso, de leitura fácil e que me cativou, muito!


3 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.