Minhas impressões: P.S. Eu te amo - Cecilia Ahern @Novo_Conceito

Depois de uma temporada sem conseguir ler direito, depois de uma maratona de provas, cansaço extremo, estresse elevado ao cubo... peguei 'P. S. Eu te amo!' para ler... na primeira página já tive vontade de chorar... mas o cansaço foi melhorando e eu chorei menos do que imaginava que iria chorar ao ler...
Não sei se vou conseguir fazer uma resenha muito boa, porque eu li o livro, me divertindo, sem ficar tentando analisar muito. Espero que vocês gostem da resenha... só preciso dizer, que o livro é imperdível!!!

Sinopse


Trecho


Minhas impressões

"Lembre-se de nossas lindas lembranças, mas, por favor, não tenha medo de criar outras" pag 311

Holly e Gerry eram namorados desde os 14 anos, moraram juntos, se casaram e após Gerry fazer 30 anos eles descobriram que ele estava com um câncer no cérebro... o livro tem drama, mas é um livro muito lindo, sem muita tristeza, mostra o pós morte de Gerry e como ele apesar de ter partido... ajudou a esposa, melhor amiga, a se recuperar e tentar vencer a dor da perda do homem de sua vida.

Depois de passar quase 2 meses apenas em casas, sem comer, sem ânimo para nada, só tristeza e dor, Holly descobre que tem uma encomenda para ela na casa de seus pais... um envelope escrito por fora 'A LISTA'... isso dá uma 'sacudida' nela e faz com que ela saia de casa, vá ao salão dar um 'up' no cabelo e ao pegar o tal envelope, ela confirma ser mensagens de Gerry... 10 envelopes, um por mês, com recadinhos e muito, muito amor!!!!


Holly tem 2 melhores amigas de sempre, Sharon e Denise, elas tentam dar apoio e força para ela, assim como a família de Holly, mas é só depois das cartinhas de Gerry que ela vai conseguindo sair do estado deprimido de ser... ele sabia como seria difícil para ela... e fez surpresas inesquecíveis... que homem lindo, romântico e sensível!!!

Eu queria um final mais 'excitante', mas acho que seria difícil para Holly vencer a dor em tão pouco tempo...

"Era uma mulher que com frequência ficava entendiada com a vida e tinha dificuldades para acordar para trabalhar de manhã. Era uma mulher que tinha muitos dias ruins, que se olhava no espelho e perguntava por que não conseguia simplesmente se arrastar para a academia mais vezes (...). Era uma mulher que às vezes entendia as coisas de modo errado. Por outro lado, era uma mulher com um milhão de lembranças felizes, que sabia como era viver um amor verdadeiro e que estava pronta para viver mais a vida, amar mais e criar novas lembranças." pag 365

Eu assisti ao filme há alguns anos, adoro o Gerry do filme (Gerard Butler), lógico que apesar de lindo, Gerard é diferente do Gerry do livro, assim como Holly, que no livro é loira e no filme é Hilary Swank.
Preciso rever o filme para me emocionar novamente... a história do livro é muito mais linda e cativante (Como sempre!!!) e faz com que pensemos na importância de vivermos nossas relações com muito carinho e afeição e intensamente, pois coisas ruins acontecem com os jovens também.

A Editora Novo Conceito caprichou, como sempre, na edição, na capa, no marcador, no kit.



E já está preparando mais um livro para nós da autora Cecilia Ahern

Mais uma irlandesa que entrou para minha lista de autores favoritos... me cativou e quero ler seu próximo livro: A vez da minha vida

0 comentários :

Postar um comentário

Adoramos saber o que você está achando dos posts e do blog...

Se você conhece o livro, por favor... ao comentar não diga o que acontece... isso é spoiler!

Deixe seu nome e/ou twitter.